Ganda Ordinarice

Desabafo bem intencionado e imagético sobre o Salão Erótico de Lisboa.

sábado, junho 16, 2007

O “Chef” recomenda Enfermeiras bem quentes

Com a chancela de qualidade Marc Dorcel, a Millenium Editora colocou no mercado há um par de anos o DVD “Enfermeiras Quentes” (Infirmières de Charme).

Contactei com o filme pela primeira vez no cinema Cinebolso, em Dezembro de 2004, quando aí me desloquei “em missão”, para incluir a experiência no meu "Diário Sexual de um Escritor Frustrado".



E não escolhi o filme por acaso. Um naipe de actrizes chamou-me a atenção: Katsumi (deliciosa francesinha de travo oriental, voz doce e enorme vocação para a modalidade), Nomi (francesa que entrevistei durante a primeira edição do SIEL) e Jane Darling (uma checa muito bem disposta, que se divertiu imenso durante o ‘casting’ do primeiro SIEL, gravando tudo com o seu telemóvel).

Mais tarde, em pleno Salão Erótico, não hesitei em comprar o DVD. O argumento é muito simples e básico, com uma voz off a servir de ponte entre as cenas, mas o filme tem no desempenho das actrizes uma enorme mais-valia.

Alain Payet realizou um clássico no que toca a um tema igualmente clássico: a sensualidade das enfermeiras.

2 Comentários:

  • Às 6:25 da manhã , Blogger Alvaro disse...

    Isso tem legendas em português?

     
  • Às 4:16 da tarde , Anonymous Luís Graça disse...

    Quase juro que sim. O título é em português, por isso...

    De qualquer forma, os diálogos são muito curtos. Existe uma ligação entre as cenas em voz off, mas muito pequena.

    O filme vale pelos cuidados de produção e por uma boa direcção de fotografia.

     

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial