Ganda Ordinarice

Desabafo bem intencionado e imagético sobre o Salão Erótico de Lisboa.

domingo, fevereiro 04, 2007

Ah! Ganda Sílvia!













A história é esta: aqui o Ganda Ordinário estava no Clube de Vídeo Arco-Íris no final do anos 80. Andou por lá a peregrinar as prateleiras do porno e deu com uma VHS que dizia assim: “Les obstacles de l’amour”. Ou então aquilo estava em português mas eu agora estou a olhar para o DVD.
Era da colecção Gaia Private. Não sei se tem alguma coisa a ver com Vinho do Porto ou Luís Filipe Menezes. Se tiver também não há crise, que a mãe dele confessou numa entrevista ao “Independente” que ele andava nas meninas.

Vim para casa ver o filme e dou com uma cena em que uma loirinha, que eu nunca tinha visto mais magra, tem uma cena de sexo anal na casa de banho que é de se lhe erguer uma erecção de homenagem.
Uma coisa mesmo a sério, desde a maravilhosa lingerie azul ao olhar da menina. Na capa da cassette só dizia Silvie. E nem era ela o destaque da capa.

Hoje sei que a menina é a grande Silvia Saint, que não tem nada de santinha. Olho para o Ganda Ordinarice e reparo que ele foi falado no site oficial dela. E que é um dos “buzzers” do Top-10. Como não sabia o que era isto, fui ao dicionário e descobri que queria dizer “cigarra”.

Fiquei na mesma, mas estou muito orgulhoso. Se o Ganda Ordinarice é citado no site da Silvia Saint (e faz parte do top-ten) é sinal de que estou no caminho certo.

Obrigado, ó Silvia Tomcalova!
(é o nome verdadeiro dela)

Clicar aqui.

0 Comentários:

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial